quarta-feira, 27 de agosto de 2008

ELEIÇÕES 2008

Anos atrás, os jornalistas eram rotulados e se rotulavam também como comunistas de esquerda. Esquerda isso, esquerda aquilo etc... Eu NUNCA em toda minha vida, antes mesmo de ser jornalista, fui simpatizante de partidos de esquerda. Acho que tudo que é demais faz mal. Assim como os excessos da ditadura (direita) no Brasil, atrasaram o desenvolvimento do país por anos e anos e mais anos. Falando de 2008, quem vive a realidade de São Paulo, por exemplo, sabe o que essa cidade precisa, o que está sendo feito, o que precisa ser melhorado. Só que a ênfase nesse momento eleitoral é dada as pesquisas de intenção de voto.
Todos os dias tais previsões são anunciadas e o canditado X está na frente com X% de votos. Mas sinceramente aonde estão essas pessoas, esses pesquisadores, aonde eles estão? Eu nunca vi pelas ruas de São Paulo, alguém fazendo esse tipo de trabalho, essas pesquisas. Mas eleas "existem" e como passe de mágica a mídia trata esse assunto do jeito que lhe convém.
Todo mundo sabe que ninguém está se importando com quem vai ganhar ou perder. As pessoas estão cansadas dos mesmos, e são sempre os mesmos que não largam o osso de jeito nenhum. Aqui no Brasil as pessoas votam por obrigação e olhe lá...
Quem vence as eleições, chora, abraça criancinhas, promete mover céus e terras em nome do social, e a primeira coisa que faz ao se sentar na cadeira é criar taxas e mais taxas pra arrancar dinheiro do povo e planejar o roteiro de viagem. O mesmo povo que votou e o elegeu como representante para lutar por coisas justas, e não pra servir de caixa 2 das suas falcatruas e bancar suas viagens de luxo e lixo.
"Política é só trapaça e boa ação não há quem faça!"

2 comentários:

Carol disse...

Aqui em São Caetano as coisas estão iguais. Também o partido em questã é o mesmo sempre!

Roberto de Freitas disse...

política é uma merda!